Página inicial » Batman Eternamente (1995) Torrent Dublado e Legendado

Batman Eternamente (1995) Torrent Dublado e Legendado

Batman Eternamente - PosterBaixar Filme: Batman Eternamente Torrent – Quem é o Batman?

Título original: Batman Forever

Direção: Joel Schumacher
Gênero: Ação, Crime, Fantasia

5.438%51/100

Lançamento: 1995
Duração: 121 min.

Qualidade de Áudio: 10
Qualidade de Vídeo: 10

Prêmios: Nomeado para 3 Oscars. Mais 10 vitórias e 23 indicações.
Produção: DC Comics, Warner Bros. Pictures, DC Entertainment, PolyGram Filmed Entertainment

Sinopse: Duas-Caras e Charada, dois excêntricos bandidos, decidem descobrir a identidade do Homem-Morcego para depois matá-lo. Este por sua vez recebe a ajuda de um jovem que tem sede de vingança, por ter perdido a família em um acidente provocado exatamente pelo Duas-Caras.

Enredo: O Cavaleiro das Trevas de Gotham City enfrenta um duo covarde: Duas-Caras eo Charada. Anteriormente o promotor Harvey Dent, o Duas-Caras incorretamente acredita Batman causou o acidente tribunal que o deixou desfigurado em um lado; ele desencadeou um reinado de terror sobre o bom povo de Gotham. Charada, computer-gênio e ex-funcionário da milionário Bruce Wayne, está fora para obter o filantropo; como The Riddler ele aperfeiçoa um dispositivo para drenar as informações de todos os cérebros em Gotham, incluindo o conhecimento de Bruce Wayne de sua outra identidade. Batman / Wayne é / são o foco amor de Dr. perseguição Meridian. O ex-acrobata de circo Dick Grayson, sua família mortos por Duas-Caras, torna-se pupila de Wayne e novo parceiro do Batman Robin o Wonder Boy.

Baixar Batman Eternamente Dual Áudio Torrent

Baixar Batman Eternamente Dual Áudio Torrent
1080pBluRay1,95 GBMP4Baixar

 

Baixar Batman Eternamente Dublado Torrent

Baixar Batman Eternamente Dublado Torrent
1080pBDRip1,54 GBMP4Baixar

 

Baixar Batman Eternamente Legendado Torrent

Baixar Batman Eternamente Legendado Torrent
720pBluRay850 MBMP4Baixar
1080pBluRay1,50 GBMP4Baixar

 
Classificação Indicativa: 10 anos.

Estreia no Cinema: 07/07/1995 (Brasil) – 16/06/1995 (Estados Unidos)
 
Orçamento: U$ 100.000.000,00
Bilheterias: U$ 336.529.144,00

Resenhas

**É melhor esquecer este filme.**

Os dois filmes “Batman” e “Batman o Regresso” renderam centenas de milhões de dólares. Não importa se eu gosto desses filmes ou não, a verdade é que o público pagou para ver, o dinheiro entrou e muitas pessoas gostaram ao ponto de voltar para mais. A verdade é esta. Por isso, e tendo em mente mais um “blockbuster”, a Warner Brothers lançou este terceiro filme. Contudo, Tim Burton cansou-se e voou para outros desafios pelo que, desta vez, a cadeira é ocupada por Joel Schumacher. De facto, este filme cometeu o pecado capital de qualquer continuação em cinema: uma remodelação geral do elenco e da equipa técnica. Com tanta dança de cadeiras, a continuidade entre filmes foi irremediavelmente afectada e essa é uma das melhores características de qualquer continuação. E se as coisas já eram esquisitas com Burton, este director vai colocar a cereja em cima do bolo.

Tim Burton tem o condão de pegar num filme estranho e fazer com que funcione, ainda que não gostemos depois. Mas foi um erro tentar fazer um filme “à Burton” sem Burton. Este director simplesmente não tem pulso nem parece saber o que quer. Por exemplo, os filmes anteriores eram todos muito sombrios e distópicos, tanto que eu o critiquei fortemente por isso. Mas pelo menos havia alguma coerência, era tudo concebido e idealizado nessa linha de pensamento. Aqui isso não acontece: a coerência é destruída pela inserção de Enigma, uma personagem estridente interpretada por Jim Carrey… e todos sabemos como este actor por vezes mais parece o Carnaval do Brasil concentrado numa só pessoa. O homem põe-se aos saltos, grita, ri histericamente, faz trinta por uma linha mas nunca parece sombrio nem intimidativo. Foi um erro conceber a personagem assim, embora Carrey seja o tipo certo para a personagem, da forma como ela está pensada.

Se os filmes anteriores abusaram na dose de irrealismo, este mostra uma realidade que parece encharcada em ecstasy e anfetaminas: a falta de realismo dos cenários e figurinos é tal que parecem ter saído da imaginação de um usuário de substâncias psicadélicas. O roteiro também não ajudou: absolutamente miserável, usa e abusa de estereótipos e clichés, não passando de um conjunto de retalhos escritos por mãos diferentes. Não dá para conceber uma história com pés e cabeça com este material. Quanto aos actores muda tudo, incluindo o protagonista, com a saída de Michael Keaton e a entrada de Val Kilmer. Tommy Lee Jones e Nicole Kidman, também por aqui estão. Mas o elenco até tentou fazer um bom trabalho, dando-nos interpretações razoáveis. São bons actores, já brilharam noutros filmes antes e depois deste desastre pelo que, se alguma coisa falhou, eu aponto mais depressa o dedo à incompetência do director do que a um destes actores.

Mas fica a pergunta: tem este filme algo de bom? A resposta é sim: a crítica social feita com o personagem Enigma, que usa a comunicação social como um meio para controlo mental de massas, numa manobra que quase se aproxima da realidade dos meios de comunicação de massa actuais, onde basta uma palavra para nos influenciar a pensar de uma forma ou de outra sobre determinado tema. Só que, sinceramente, não me parece uma justificação cabal para ver este filme. Não vale a pena vê-lo só para ver isso. (Escrita por: Filipe Manuel Dias Neto)

Elenco principal

  1. Val Kilmer

    Val Kilmer

    Bruce Wayne / Batman

  2. Tommy Lee Jones

    Tommy Lee Jones

    Harvey Dent / Two-Face

  3. Jim Carrey

    Jim Carrey

    Edward Nygma / The Riddler

  4. Nicole Kidman

    Nicole Kidman

    Dr. Chase Meridian

  5. Chris O'Donnell

    Chris O’Donnell

    Dick Grayson / Robin

  6. Michael Gough

    Michael Gough

    Alfred Pennyworth

  7. Pat Hingle

    Pat Hingle

    Commissioner Gordon

  8. Drew Barrymore

    Drew Barrymore

    Sugar

Atualizado em: 7 de abril de 2021 as 00:53